Aplicação espacial

Print page

A aplicação espacial consiste em um número grande de pequenas gotas de inseticida distribuídas por um volume de ar durante determinado período. Uma dose letal de inseticida ataca os insetos no contato com eles. Existem dois métodos tradicionais de borrifação espacial:

  • Nebulização térmica: uma nuvem densa de gotículas de inseticidas que se parece com uma névoa espessa
  • Ultrabaixo volume (UBV), em que as gotículas são geradas por uma máquina mecânica a frio geradora de aerossol

A aplicação espacial é uma forma muito eficaz de reduzir rapidamente a população de insetos voadores numa área específica. O método deve ser repetido em intervalos de 5 a 7 dias para ser eficaz, pois não há atividade residual do inseticida. Esse método pode ser particularmente eficaz quando é necessária uma redução rápida no número de mosquitos, como durante uma epidemia. Sendo assim, é muito útil no controle de mosquitos que transmitem dengue e zika em áreas urbanas. 

A aplicação espacial eficaz depende do tamanho ideal das gotículas. Quando o tamanho das gotículas é ideal, os insetos-alvo voam através da nuvem borrifada e são afetados, podendo também ser afetados enquanto repousam em superfícies expostas. O tamanho das gotículas deve ser otimizado para que as gotículas borrifadas permaneçam no ar pelo período ideal e contenham a dose certa do inseticida. O ideal é que as gotículas para aplicação por borrifação espacial tenham um Diâmetro Médio Volumétrico (DMV) de 10 a 25 mícrons. 

Gotículas muito grandes ou muito pequenas são ineficazes. Se as gotículas forem muito grandes, elas caem no solo muito rapidamente e limitam a área de aplicação. Além disso, se uma gotícula grande colidir com um inseto individual, pode ser um uso excessivo de produto, já que uma gotícula grande será aplicada a esse inseto em particular. Se as gotículas forem muito pequenas, elas podem não se depositar num inseto-alvo (não ter impacto) devido à aerodinâmica ou podem ser carregadas para a atmosfera por correntes de convecção. 

A Bayer é pioneira no desenvolvimento da tecnologia antievaporante, tendo introduzido a inovadora tecnologia de borrifação chamada FFAST tecnologia de pulverização aquosa formadora de filme), que reduziu a necessidade de utilização de solventes de hidrocarbonetos em aplicações de borrifação espacial. As formulações FFAST são principalmente à base de água; diluem-se em água e atingem a eficácia ideal. Tais formulações têm se mostrado eficazes em muitas situações ao redor do mundo. Essa tecnologia está disponível em Aqua K-Othrine e em Aqua Reslin Super.
Space Spraying product range spot
Aplicações espaciais
Veja os produtos
Saiba mais sobre os produtos de aplicação espacial disponíveis na Bayer. Para saber mais sobre os produtos disponíveis em seu país, entre em contato com seu especialista local da Bayer.